43 ferramentas de marketing digital para o seu negócio

Conheça as principais ferramentas de marketing digital e passe a aplicá-las em suas estratégias para aprimorar seus resultados.

Hoje em dia é quase impossível pensar em estratégias para atrair e reter clientes sem considerar as táticas e ferramentas de marketing digital.

Dados do relatório Digital 2021, do Data Reportal, indicam que o número de usuários conectados à internet, hoje, supera os 4.66 bilhões, o que corresponde a 59,5% da população mundial. Desses, 4.2 bilhões estão ativos nas redes sociais

A maioria dos seus clientes estão nas redes sociais, usando o e-mail, tomando decisões de compra a partir de pesquisas no Google. Por isso, uma maneira muito efetiva de alcançá-los com suas ações é por meio do online.

Até porque os consumidores estão, cada vez mais, se adaptando às compras virtuais.

Em 2020, durante a pandemia da Covid-19, 20 milhões de brasileiros fizeram sua primeira compra pela internet. No total, foram 300 milhões de pedidos online realizados durante o ano, segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

Nesse cenário, as empresas precisam se destacar frente à concorrência e chamar a atenção para seus produtos e serviços.

Continue a leitura para conhecer mais sobre os benefícios dos principais tipos de ferramentas de marketing digital e começar a aplicá-las nas estratégias do seu negócio.

Benefícios das ferramentas de marketing digital

Existem diferentes tipos de ferramentas de marketing digital, e a escolha delas vai depender dos objetivos do seu time. Elas solucionam necessidades específicas dos profissionais da área, ajudando eles a automatizarem certos processos do dia a dia, interpretarem dados e métricas ou construírem a identidade visual de uma marca, por exemplo.

Dessa forma, qualquer objetivo do marketing pode ser alcançado com o apoio de alguma solução disponível no mercado. Alguns desses objetivos podem ser:

  • aquisição e nutrição de leads;
  • relacionamento com o cliente;
  • construção e fortalecimento de marca;
  • divulgação de produtos e serviços;
  • análise do comportamento de usuários;
  • produção e distribuição de conteúdo;
  • organização de tarefas da equipe.

43 ferramentas de marketing digital para o seu negócio

Você precisa anunciar seus produtos na internet? Ou publicar conteúdos que agreguem valor à sua marca?

Seja qual for sua necessidade, existe uma ferramenta de marketing digital para auxiliar sua estratégia. Confira:

Automação de marketing

A automação de marketing consiste no uso de tecnologias para automatizar processos, economizando tempo do time responsável e assegurando melhores resultados com menos riscos de interpretações equivocadas.

As ferramentas disponíveis no mercado atuam em diversos segmentos, desde o e-mail marketing ao relacionamento com o cliente, por exemplo. Elas centralizam, em um único lugar, funcionalidades que, antes, necessitavam de diferentes ferramentas e pessoas para serem realizadas

Conheça quais são as principais ferramentas de automação de marketing e algumas de suas funcionalidades:

  • HubSpot: gerenciamento de conteúdo e de leads, análises de métricas, construção de landing pages e formulários, gestão de e-mail marketing e planejamento de redes sociais;
  • ActiveCampaign: estratégias de marketing geográfico, segmentação de leads, e-mail marketing;
  • RD Station Marketing: disparo de e-mails, gerenciamento dos fluxos de nutrição e leads, criação de landing pages;
  • Autopilot: e-mail marketing, SMS marketing, criação de pop-ups e formulários, análise de dados;
  • MailChimp: plataforma de gestão de e-mail marketing mais utilizada por profissionais da área, permitindo integração com redes sociais e criação de anúncios;
  • SharpSpring: serviços de inbound marketing para agências, criação de funil de vendas e gestão de leads; distribuição de conteúdo e landing pages, construtor de blog, integração com Google Adwords;
  • Keap Max Classic: antes conhecida como Infusionsoft, a plataforma oferece soluções de CRM, automação de vendas, e-mail marketing e análise de dados;
  • LAHAR: criação de landing pages, SMS marketing, gestão de leads.

Leia também: Como atrair clientes: 18 dicas para o seu negócio

CMS - Content Management System

Os CMSs (Content Management System), ou Sistemas de Gestão de Conteúdo, são plataformas que permitem o gerenciamento de publicações em sites ou blogs, desde artigos a vídeos, podcasts, portfólios, etc.

Essa ferramenta de marketing permite, literalmente, a publicação de qualquer tipo de conteúdo e, por isso, é utilizada por mais de 66 milhões de websites pelo mundo. 

Desses, pouco mais de 42% foram desenvolvidos utilizando o WordPress, que dispara como a plataforma de CMS mais popular (seguida de longe pelo Wix, com cerca de 6%).

Além de gratuita, ela oferece uma interface com navegabilidade bastante intuitiva que não requer muitos conhecimentos técnicos e conta com uma diversidade de plugins que só aprimoram a experiência do usuário.

Você pode utilizar o WordPress, ou qualquer outro CMS, para criar uma loja online completa, por exemplo, ou manter um blog da sua empresa e expandir o alcance da marca e a aquisição de clientes por meio do marketing de conteúdo. As possibilidades são inúmeras.

Leia também: Comportamento do consumidor: tendências e como estudá-lo

Mídia paga

A mídia paga é uma comunicação realizada por uma marca com investimento de dinheiro. No contexto do marketing digital, o termo é utilizado para se referir aos anúncios pagos que estão espalhados pela internet.

Eles podem ser encontrados pelas redes sociais, nos mecanismos de busca, aplicativos e outras plataformas digitais, e funcionam como um canal para prospectar possíveis clientes. Mas, para isso, é preciso considerar um fator importante: o seu público.

É necessário entender a segmentação do seu público para poder operar essas ferramentas a favor da sua estratégia. Você precisa saber em quais canais seus possíveis consumidores estão e outras informações sobre eles (idade média, localização, interesses, etc.) para definir ações de mídia paga que convertam. 

Ao fazer isso, pode acabar descobrindo que a melhor maneira de alcançar seu cliente ideal não é por meio das principais redes, como Instagram ou Facebook, por exemplo, já que outras plataformas também têm seus próprios canais de distribuição de anúncios.

Conheça algumas delas:

  • Google Ads: promove anúncios nas páginas de pesquisa do buscador, incluindo a aba Shopping, em sites pela Web e no YouTube, em formato de vídeos;
  • Instagram Ads: anúncios podem ser distribuídos em formatos de vídeo, foto ou carrossel no feed ou stories;
  • Facebook Ads: a plataforma de mídia paga do Facebook possibilita o impulsionamento de publicações com muitos fatores de personalização, incluindo a flexibilidade de orçamento;
  • LinkedIn Ads: acesso a 65 milhões de tomadores de decisão de empresas, facilitando o alcance de leads qualificados;
  • Twitter Ads: as categorias de anúncio do Twitter são Anúncios Promovidos, Anúncios para Seguidores e Trend Takeover. Entenda mais clicando aqui;
  • Pinterest Ads: é possível impulsionar pins - seja em formato de imagens, vídeos, carrossel ou pelo app;
  • TikTok Ads: além dos populares vídeos da plataforma, anúncios também podem ser criados como banners.

Leia também: 11 estratégias para turbinar a experiência do cliente

Análise de dados

A análise de dados e o monitoramento de resultados são etapas essenciais das campanhas de marketing. Alguns dados comuns observados pelas empresas são as visitas em seu website ou blog, o tempo de permanência dos usuários nas suas páginas, em quais links clicaram e a origem do tráfego, por exemplo. 

Dessa forma, é possível, inclusive, acompanhar métricas relacionadas às ações de mídia paga em veiculação

Segundo dados da Enlyft, o Google Analytics é a ferramenta mais utilizada pelas empresas para a análise de dados, com 50,18% do mercado e abrangendo quase cinco milhões de companhias pelo mundo.

Conheça essa e outras ferramentas de marketing que podem ajudar você e seu time a analisar dados: 

  • Google Analytics: além de monitorar o tráfego do site, essa ferramenta exibe dados de usuários, de acesso e de comportamento do consumidor;
  • SimilarWeb: análise de dados competitivos, com foco na monitoração de concorrentes; 
  • Hotjar: análise de dados de comportamento do consumidor por meio de um mapa de calor que representa a interação dos usuários com suas páginas
  • Google Search Console: você consegue acompanhar informações sobre impressões e cliques em seu site, segmentando dados por períodos, e verificar a eficiência de suas páginas nos mecanismos de busca;
  • CloudFlare: embora ofereça como principal produto um serviço de segurança para websites, a ferramenta também fornece painéis de performance e desempenho de tráfego;
  • Open Site Explorer (Moz): assim como o SimilarWeb, você pode utilizar essa ferramenta para analisar a concorrência, mas com foco na análise de links.

fidelização-de-clientes


SEO

Quem não é visto, não é lembrado. O SEO (Search Engine Optimization) pode ajudar empresas a alcançarem os primeiros resultados em mecanismos de busca, como o Google, por meio de uma série de estratégias desenvolvidas para melhorar o ranqueamento de suas páginas.

A partir desse contexto, diversas ferramentas de marketing digital são capazes de oferecer visibilidade sobre palavras-chave e monitorar o SEO do próprio website ou de concorrentes. Conheça as principais delas, e algumas de suas vantagens:

  • SEMRush: análise Domínio vs. Domínio e de densidade de palavras-chave;
  • Google Search Console: disponível gratuitamente e em português;
  • iSpionage: foco na investigação da concorrência;
  • Ahrefs: possibilita a segmentação de seções das páginas de seu website para a otimização SEO;
  • Ubersuggest: levantamento de palavras-chave, ideias de conteúdo, checagem de backlinks;
  • Woorank: análise de SEO instantânea por meio de uma extensão no navegador;
  • SpyFu: análise de backlinks, palavras-chave pagas e orgânicas, e das páginas concorrentes.

Outras ferramentas de marketing, como o YoastSEO, funcionam como um guia para a otimização de materiais para SEO. O Yoast pode ser instalado via plugin no WordPress para avaliar e informar a melhor maneira de adaptar seus textos de acordo com as principais regras dessa estratégia, como a frequência do uso de uma palavra-chave e a distribuição de links pelo corpo do texto.

Leia também: Data driven marketing: o que é e como aplicar na empresa

Ferramentas de gestão de projetos

Além da automatização, o segredo para otimizar as tarefas do dia a dia é a organização. É por isso que implementar o uso de ferramentas de gestão de projetos pode contribuir para a eficiência dos colaboradores e, portanto, para o sucesso das entregas.

Escolha entre as opções mais conhecidas no mercado:

  • Trello: interface amigável e simplificada, tarefas divididas entre To Do, Doing e Done. Segundo a Enlyft, o Trello abarca mais de 82% do mercado de ferramentas de gestão de projetos, e é utilizado por cerca de 24 mil companhias no mundo.
  • Monday: com foco na colaboração de equipes, a plataforma permite integrações com outros apps de gestão de projetos e customização;
  • Miro: funciona no formato de whiteboard — espécie de lousa digital em tradução livre — para a construção de mapas mentais;
  • MS Project: provavelmente a mais tradicional entre todas as opções, tem modelos predefinidos de fluxogramas de projetos para uso;
  • Jira: equipes podem se organizar por meio de quadros dos métodos Scrum ou Kanban, com acesso a mais de uma dúzia de relatórios personalizados;
  • Asana: uma de suas funcionalidades é a criação de formulários de briefings que são diretamente vinculados aos projetos, facilitando o monitoramento dos pedidos recebidos pelo time;
  • Artia: permite calcular os custos envolvidos nos projetos em andamento, gerando relatórios de situação.

Leia também: Como fazer uma gestão de relacionamento com o cliente eficiente

Ferramentas de criação e design

A falta de conhecimento técnico sobre design gráfico ou mesmo a ausência de referências conceituais sobre o assunto não são mais desculpas para não colocar a mão na massa na hora de elaborar peças visuais para seus anúncios, banners, posts nas redes sociais ou imagens para as páginas de seu website.

Embora existam técnicas e conhecimentos que apenas designers profissionais, que estudam o campo, conseguem dominar, já existem ferramentas digitais capazes de ir além do básico para ajudar você a criar suas artes.

O Canva é um exemplo de plataforma de criação e design que passou a revolucionar a forma como os negócios produzem suas peças criativas. De acordo com o site da ferramenta, mais de 200 mil empresas já inseriram o Canva em seu stack de ferramentas de marketing digital e, a cada segundo, um design é criado na plataforma.

“Desde que lançamos, fomos inundados pelo interesse de um espectro amplo de companhias”, revela a CEO e cofundadora Melanie Perkins. “Desde grandes multinacionais e franquias a agências de design, startups e até agentes imobiliários que desejam garantir um branding consistente entre seus materiais de marketing e documentos.”

Além do Canva, confira outras ferramentas de design que podem ajudar seu time no dia a dia de criação:

  • GIMP: por se tratar de um software open source, a plataforma pode ser customizada e integrada a várias linguagens de programação;
  • SlideShare: permite a criação de apresentações de slides;
  • Photoshop: exige um nível maior de conhecimento sobre técnicas de criação, e é considerada a principal ferramenta para desenvolvimento de trabalhos gráficos;
  • Adobe InDesign: foco em editoração de conteúdos mais densos, como e-books e checklists, e edição de textos.

Veja também: Guia para fidelizar clientes: 7 dicas práticas

Marketing de recompensas

O marketing de recompensas vem se destacando como um segmento do marketing capaz de incentivar comportamentos e estreitar a relação entre empresas e clientes por meio de recompensas. Ele usa estratégias ligadas à análise do comportamento do consumidor para oferecer benefícios que o incentivem a comprar de uma marca, por exemplo.

Entre as vantagens do marketing de recompensas, podemos destacar: o aumento da taxa de retenção de clientes, uma vez que consumidores são incentivados a se fidelizarem à marca; crescimento das vendas, já que clientes recorrentes compram mais; redução do CAC (custo por aquisição de clientes) por priorizar práticas de retenção.

E o melhor de tudo é que existem ferramentas digitais que podem ajudar seu time a desenvolver as melhores campanhas utilizando recompensas personalizadas para seus consumidores, como a Nuvem de Recompensas da Minu.

Ela disponibiliza mais de 600 ofertas de recompensas instantâneas para que empresas possam criar suas próprias campanhas de engajamento a partir dos objetivos definidos. Tudo isso por meio de uma plataforma simplificada e flexível.

Seja qual for o objetivo de suas ações de marketing no momento, elas podem ser beneficiadas por meio da aplicação das soluções corretas

É por isso que conhecer as principais ferramentas de marketing digital é um passo importante para desenvolver estratégias que otimizem o dia a dia do seu time, tornando-o mais produtivo, e, dessa forma, alavanquem as vendas e expandam o alcance da sua marca.

Gostou deste artigo?
compartilhe com mais pessoas

Confira outros artigos

Voltar para o blog